terça-feira, 31 de dezembro de 2019

Daily journal, 33: o último de muitos.

Ninguém pediu mas eu quis postar um show do meu amorzinho 

Bom...
Essa é uma postagem de fim de ano só para não falarem que sumi.

Eu pensei em postar muitas coisas neste ano, escrevi tantas outras, passou aniversário do blog, passou o meu aniversário e minhas férias e no fim das contas ... Eu não postei absolutamente nada. Na verdade, faz mais de mês que eu não posto e o motivo é exatamente esse: eu tenho escrito, reescrito, escrito mais uma vez e apagado tudo porque não sei bem o que quero dizer. Eu vi gente fazendo retrospectiva dos animes da década e quero fazer. A coisa dos jogos lá… eu continuo fazendo, apesar de me sentir bem sem inspiração. Eu sei que estou devendo algumas mudanças aqui, drásticas inclusive, mas no fim das contas tudo tem estado um pouco nebuloso pra mim…

Eu fiz 26 anos no último dia 26 de Novembro - Eba! A única vez na minha vida em que fiz 26 anos no dia 26, risos. Em observação, Emiri Katou fez 36 e Jun Fukuyama fez 41 e não, ninguém perguntou mas eu disse - e acho que quando você chega na idade adulta se torna difícil processar de uma maneira lógica e coerente tudo o que já aconteceu na sua vida, porque, por mais sem graça e sedentária que a sua vida seja, de fato muita coisa já aconteceu. Nisso, o fato de que a vida é essa loucura incontrolável deixa de ser uma ficção e começa a escapar por entre os dedos. Eu não vou negar que estou passando por um período difícil. Quem me vê de fora provavelmente pensa que estou na melhor, festiva, decentemente empregada e rolezando. Não está errado, mas, internamente, tem um turbilhão de coisas que perturbam. Ser adulta tem sido assim.    

Talvez vocês tenham notado que algumas coisas mudaram aqui no blog. Todos os permalinks estão quebrados - mas os posts não sumiram! - e isso é porque eu fiz aquele esquema de deletar e reinserir o blog para trocar o meu username/conta, coisa que já devia ter feito há tempos. Com isso, descobri que as quebras das postagens também se perdem, então vou ter que editar manualmente qualquer hora. Então, oficialmente, agora o blog está na conta correta! Eba! E bagunçado também, mas isto tende a mudar. Nunca fui tão relapsa com as postagens nesse blog, mesmo nos meus piores momentos e peço desculpas por isso. Eu tentava, por mim mesma, manter uma média de postagens por mês mas desde que comecei a trabalhar e estudar, há 2 anos, tenho tentado focar minhas energias nisso e não tenho tido muito tempo para atualizar aqui - na verdade, nem para me atualizar nas coisas que gosto. Mais que tempo ... É complicado, mas tem realmente muitos pensamentos sobre essas coisas na minha cabeça.

Então, acho que eu precisei publicar 33 daily journals e parar para pensar no conteúdo deles para entender o que exatamente eu ainda queria postar sobre, risos. Sempre tive o blog para postar sobre as coisas que gosto e que me fazem feliz, e tal. Foi por isso que eu nunca deixei de postar. Porque ... bom, a minha intenção nunca foi a de ter um ohh blog de anime super popular, ou ser "formadora de opinião" (pffft?) mas sim oferecer o conteúdo que eu queria ler às pessoas que pudessem eventualmente também querer, e tornar um pouco menos solitária a experiência de gostar das "coisas estranhas" que eu gosto desde sempre. Mas eu sou só uma entusiasta - minha carreira não tem nada a ver com anime e, ao contrário da maioria das pessoas que eu conhecia no fandom, eu nunca monetizei meus interesses. E, bem, eu acho que parei de ter as pessoas com quem queria compartilhar as coisas. As pessoas crescem, mudam de interesses, o fandom muda... Eu conheci muitas pessoas legais sim, mas, de certa maneira, desde que eu comecei a trabalhar na minha especialização, comecei a achar meio que ... exposição desnecessária. Não que eu queira ou tenha a intenção de parar com algo - como fazer cosplay, por exemplo - mas algumas coisas agora incomodam.

Acho que, bem, outra coisa que certamente me esfriou neste 2019 foi o ataque terrorista e isto é inegável. A ferida foi grande na indústria de anime, porque de verdade é o tipo de coisa que não tem como apagar e a maioria das pessoas não tem como saber lidar, e escrevi um pouco naquela postagem por que me senti tão afetada pessoalmente. Até hoje não fui pesquisar quem de fato sobreviveu, exceto um ou dois nomes de pessoas que admiro demais e que me deixaram em estado de pânico na época. E se eu já estava menos pra ver anime do que não ver (e, de fato, tinha por mim que não ia me esforçar pra assistir mais nada que não fosse do estúdio ...) e mesmo assim fiquei destruída, imaginem quem trabalha de fato nessa indústria. Tudo é muito triste e acho que também ... fugi um pouco desse universo por isto. Não dá para explicar com palavras.

"E aí? Isso significa que você vai parar com o blog?!" Não, eu ainda não pensei no que quero fazer. ^_^ ; Não sou de persistir em coisas que perdem o sentido então se não estou falando que quero parar com o blog é porque realmente não é o que sinto. De fato, eu tenho assistido até bastante anime nessas últimas semanas em que estive de férias, curtido uns jogos bacanas e outras coisas ... mas ainda não sei o que fazer. Normalmente eu correria para escrever uma postagem sobre, mas ultimamente tenho pensado em outras formas de compartilhar. Outras coisas.

Então, bem, é só para dizer isso antes da virada do ano: Estou viva! E bem. Acho. Espero que todos estejam bem aí também. Tenho a intenção de voltar a postar coisas, mas em um formato diferente, talvez? Falar mais do meu gato e das minhas coisas? Não sei. Espero que possam aguardar mais um pouco. Obrigada por se lembrar daqui! E até 2020 ~ ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário