segunda-feira, 24 de julho de 2017

Comentários: Made in Abyss [EP. 2] - Construção de enredo

Depois de tantos elogios para o primeiro episódio, eu esperava que Made in Abyss manteria o ritmo para continuar com sua construção acima da média, mas com todos seus conceitos, universo e personagens já apresentados, teríamos mais o que apresentar antes de embarcar para a aventura? Bem, sim, tivemos isso e muito mais.


Na semana passada tivemos a apresentação do anime, e hoje, apenas um breve resumo antes de se iniciar a abertura, que foi mostrada pela primeira vez no anime. Ela tem uma direção de arte bonita de alto contraste e um brilho bem algo, como podem ver na imagem acima, o que tem cor clara ressalta na tela, "escondendo" os elementos realmente importantes, é uma forma de misturar o que deveria estar em primeiro plano com o cenário em si, e concordemos, QUE CENÁRIO !!! A música foi uma boa escolha, um pop leve porém com aquele ar de aventura principalmente no refrão, uma combinação perfeita para essa animação que promete mesclar relações entre amigos com aventura e tensão.


O episódio se inicia com uma pequena reunião de amigos, como se fosse relembrar as pessoas que fazem parte do núcleo principal da trama, para em seguida, dar jeito em um dos problemas da narrativa: o Reg. A existência dele estava sob "segredo", e como a Riko praticamente vive sob vigia, eles resolveram isso de uma forma bem simples e até engraçada, o que eu achei especialmente bom, vamos tentar evitar um pouco os planos mirabolantes a lá Cebolinha.

Após isso seguimos para a introdução de Reg a sociedade do povo em volta ao abismo, lhe "adicionando" contato social com os personagens que ainda não sabiam de sua existência, e adequando a presença dele as atividades normais do dia a dia da comunidade, ou seja, uma forma de camuflar ele a vista comum do espectador, mostrando ele mais como um membro da "squad" do que como o menino robô no bosque.
E após isso seguimos a cenas da rotina de vida da Riko, uma forma de "passar o tempo" para dar o sentimento de que, para o próximo evento do episódio, se passaram alguns dias, e entre essas formas de rotina uma em especial me deixou bastante curioso:
Eu não estou certo quanto ao tratamento que essas crianças recebem nesse orfanato, sério, que diabos de castigo seria esse? (Não é de hoje que essa velha diretora parece ser extremamente suspeita, lembra até mesmo o Severo Snape de Harry Potter).
Após isto temos a catarse do nosso episódio, o ponto que vai dar a motivação a nossa pequena e jovem protagonista com grandes sonhos e perseverança invejável, porém, foi um evento que na minha opinião demorou um tanto para se afirmar.

Um grupo estava voltando as profundezas, e junto com eles veio o apito branco e uma carta da mais lendária caçadora de tesouros do abismo, que por ironia do destino é mãe de Riko, nossa protagonista.
Após um momento fofo de positivismo entre a Riko e seu professor, explicando algumas coisas sobre a mãe dela e sobre ela mesma, sobre como nasceu e outras curiosidades, coisas que realmente enriquecem o background da personagem, aumentando ainda mais o lado afetivo da pessoa que assiste com a personagem.
A tal carta seria antes analisada para depois ser passada para a Riko, ou seja, com certeza não era apenas uma carta de mamãe para filha (o que na verdade era o que eu queria que fosse), e sim, uma ordem de novos espécimes e relíquias encontradas no fundo do abismo, nada de muito impressionante, porém, entre essas anotações tinha uma figura que se assemelhava muito ao nosso amigo robô, obviamente confirmando que ele veio do fundo do abismo (o que já era pra lá de óbvio), porém, junto desta nota havia uma mensagem que dizia: "No fundo do abismo, esperarei". Isso já é mais do que certeza que será o trigger para o real começo da aventura, acendendo a chama para grandes avanços e grandes perigos... Lembrando que, ainda há um protagonista a ser apresentado, então continuemos de olho.



E esse foi o segundo episódio de Made in Abyss, e eu realmente estou gostando do anime, acho que a esta altura o terceiro episódio já está disponível no fansub que acompanho. Resta agora esperar que a adaptação siga seu caminho, porque até agora é meu favorito da temporada, talvez do ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário