terça-feira, 19 de abril de 2016

DIY: Como fazer moldes para cosplay e outras roupas?

Olá, gente! Tudo bem?~

Como eu havia dito no meu post de planos para 2016, eu pretendo postar mais esse ano sobre DIY, ou Do It Yourself, e também sobre confecção de cosplays. Eu vou postar amanhã como eu fiz meus cosplays de Mirai Kuriyama e Mikoto Yutaka, e por hoje eu queria compartilhar como eu faço moldes para roupas.

Para quem é super novo nesse universo da costura, ou só está começando a aprender agora, um molde serve para você se guiar, saber como cortar o tecido no formato da roupa que você quer confeccionar, e onde costurá-lo. O molde é mais ou menos assim, mas em tamanho real :



Na Internet existem vários moldes prontos, que você só precisa copiar nas proporções certas (ou seja, passar em escala para as suas medidas) em uma cartolina para cortar seus tecidos, e então poder fazer suas roupas. No entanto, para você que como eu, é de Humanão quer ficar procurando demais moldes gratuitos, ou tem medo de acabar errando no cálculo, ou quer algo muito específico que você não encontra na Internet, existe uma forma fácil de fazer moldes a partir de roupas que você possui (ou não).

Na verdade, existem vários tutoriais de como fazer moldes na Internet, mas todos que eu achei me pareceram complicados ou requeriam muitos instrumentos. Por isso, eu queria explicar como eu aprendi a fazer meus moldes. Lembrando que eu não sou costureira profissional, sou super amadora, mas gosto de compartilhar os métodos que eu encontro. Então, sintam-se livres para me corrigirem aí nos comentários, por favor! Agradeço demais toda ajuda e correção, afinal aprendemos juntos, né? ♡ Então, vamos ao tutorial!





Para fazer qualquer molde, você precisa ter em mãos:
  • Uma roupa no formato/modelo que você quer copiar;
  • Cartolina - de qualquer cor, daquelas simples, que não passa de R$1, de acordo com o tamanho da sua peça pode ser necessário mais de uma;
  • 1 lápis;
  • Tesoura para cortar papel.
Opcional:
  • 1 canetinha hidrográfica com bastante tinta, caneta nanquim, ou outra que borre!;
  • Tesoura com ponta;
  • Régua;
  • Compasso.
Simples assim.

"Chell, não é nada simples!" Ok, vamos por passos. Primeiramente, vamos falar da roupa que você quer copiar. Talvez você tenha essa roupa, ou alguém que você conhece tenha uma roupa exatamente no modelo que você quer, e pode te emprestar. Com um mínimo de cuidado, a roupa não vai ficar danificada no processo, então esse é um caminho. Se você não tiver, no entanto, já pensou em visitar um brechó? Talvez você consiga encontrar lá uma roupa no modelo que você quer copiar por um preço muito mais barato que em uma loja de roupas. Infelizmente o Busca Brechó fechou, mas existem vários brechós online que você encontra com uma rápida procurada no Google, assim como talvez existam na sua cidade, o que sai ainda mais em conta.

Encontrada uma roupa como você quer, é hora de fazer, então, o molde. Dependendo da complexidade da roupa, fazer o molde em si pode ser uma tarefa extremamente fácil ou difícil; outra coisa que pode facilitar muito é se você puder destruir a roupa. Explico: se você puder descosturá-la por completo, com uma tesourinha de ponta fina, você poderá ver peça por peça como e onde ela foi costurada originalmente, e então ficará muito mais fácil fazer o seu molde. Caso contrário, ainda é possível, mas eu recomendo tentar fazer moldes mais complexos só depois de adquirir prática nos moldes mais simples.

Via de regra, para as roupas mais simples, a primeira coisa que você precisa fazer é esticar muito bem a roupa sobre a cartolina. Vale a pena passá-la antes para que esteja bem esticada; dependendo do tecido de que ela é feita, isso faz uma grande diferença, pois a dobra da costura deve estar exatamente na extremidade da roupa ao esticá-la sobre a cartolina, para que não sobre tecido nem na frente, nem atrás. É importante também passar pois caso a roupa tenha mais peça na frente ou atrás (como uma calça jeans, por exemplo), o importante é que não tenha nenhum tecido sobrando. Depois volto nisso. Outra coisa importante é que deve sobrar um pouco de cartolina, cerca de 1,5cm (1 ou 2 dedos), em volta de toda a peça. Então, você não precisa centralizar a peça para não gastar cartolina desnecessariamente, mas lembre-se de deixar esse espaço em volta da peça!

Nesse tutorial, eu uso uma peça (camisola) com uma costura simples, que é maior do que a cartolina, e não tem uma sobra tão grande quanto eu gostaria. Fiz assim com o objetivo da fazer um molde de camiseta. Não recomendo, mas como é uma peça simples e que fica bastante folgada no corpo, fiz assim mesmo, lembrando de deixar um pouco mais de espaço nos lados quando corto o tecido!



Eu vou mostrar aqui como se faz um molde de uma peça única, que tem apenas costuras nas extremidades, e não tem uma manga complexa. Pegando a prática nesse tipo de molde, você pode partir para as peças mais complexas. Então, feito isso, você deve alfinetar a peça na cartolina para que fique bem reta e fixa.



Você deve, então, descobrir onde é o meio da peça em cima e embaixo. Isso é mais fácil com uma régua, mas uma batida de olho também funciona para a maioria das peças e tecidos que não requerem tanta precisão. Por exemplo, neste caso, eu medi pelo meio da etiqueta.

Uma vez marcado o meio da peça em cima e embaixo, é hora de fazer o contorno de metade da peça! Com o lápis, segurando a peça contra a cartolina, vá fazendo o contorno de uma das metades, traçando rente à peça. Eu faço um tracejado onde a peça tem furos, e traço contínuo onde ela deverá ser costurada.



Feito isso, retire os alfinetes da peça, e verifique se o tracejado está OK. Agora é a hora das minhas maluquices. Então, dobre a cartolina conforme a foto, e passe a canetinha hidrográfica por cima do tracejado que foi feito a lápis, e então dobre a cartolina "do avesso", para que a tinta seja passada para o outro lado. Feito isso, novamente, você pode (e deve!) reforçar o tracejado do outro lado com a canetinha.


Depois disso, comece a cortar a peça com aquela sobra de 1,5cm. Você pode também cortar antes de tracejar, para ter uma prévia do molde.



E está pronto seu molde à la Not Loli!. Agora, você pode, se quiser fazer como eu, colar alguns pedaços de fita dupla face em volta do molde. Assim, quando quiser usá-lo de um jeito prático, basta tirar o papelzinho da fita, colar o molde no avesso do tecido muito bem esticado, e cortar em volta.

"E agora, como costuro?" Basicamente, você deve usar o molde como um guia para  costurar no tracejado. A sobra em partes com furos serve para você fazer o acabamento, como um overloque, e na gola, para costurar a gola. Em nota, tem um tutorial muito bom de como costurar gola, que eu recomendo, no YouTube.

Uma das peças que eu fiz com esse molde, acrescentando mangas compridas, foi meu cosplay de Utena Tenjou, que também vou postar aqui qualquer hora. ^_^ Outras peças estarão disponíveis na Loja Not Loli! dentro das próximas semanas, então por favor vão lá conferir essa e outras novidades disponíveis na Loja Not Loli!! Espero que vocês tenham gostado desse tutorial, e que seja muito útil para quem é iniciante. Vou procurar postar mais tutoriais nesse estilo aqui no blog, então fiquem ligados! Muito obrigada, deixem aí nos comentários o que acharam, e até mais!~ ♡

4 comentários:

  1. e se eu n tiver a roupa oq eu faço? ;-; eu queria fazer um vestido q eu desenhei uma vez mais n sei como faze o molde dele servir em mim pq eu n tenho peitos dai fica dificil faze o busto ;-;

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sam! NÃO é difícil! Eu também não tenho muito busto hahah dependendo do caimento dele, é só você diminuir o corte, ué. Eu acho até mais fácil, porque eu virtualmente não faço busto no corte, e fica tudo ok. Mas óbvio que vai depender do caimento. Uma coisa que eu sugiro é tu deitar na cartolina e pedir para uma pessoa fazer seu contorno. Aí, você vai poder fazer a roupa que vc quiser. ^_^
      Espero que dê certo, conta aqui como ficou! Abraços!

      Excluir