domingo, 31 de agosto de 2014

Free! Eternal Summer 9 - Evangelionizando na cara da sociedade.


Parece Paprika mas é Free! ES.

Olá!
Essa semana, excepcionalmente, o post de resenha do episódio de Free! ES contém apenas um episódio - o que significa que eu finalmente fiz um post semanal uma semana depois da outra, e não duas. Uau! Eu prometi que faria isso até o final da temporada, certo? ...

O motivo pra isso não é tanto que eu resolvi tomar vergonha na cara pra postar regularmente - senhores, até parece! - é que o episódio da semana foi realmente muito bom, digno do título do post, da screenshot acima, de momentos de verdadeira tensão, nervous breakdowns e dramas deliciosos. Afinal, estamos no episódio 9 - já estava na hora de coisas grandes começarem a acontecer, certo? Depois da revelação dramática do fim do episódio anterior, o episódio 9 desenvolveu um pouco mais o problema do Sousuke, bem como as questões do Haruka, e...

...muitas coisas, mesmo. O episódio começou com uma cena que queríamos ver há tempos: Nitori batendo o recorde do Toru - vulgo "o garoto que fez o nado de peito no relay" - rendendo reações surpresas de todo mundo, inclusive do super-empolgado Momotarou; Pra não falar do Rin, que elogia o treinamento do Sousuke.

Paralelamente ao clima de animação no clube do Samezuka, os garotos do Iwatobi treinam exchanges na piscina para otimizar seus tempos no relay. Uma nota é que esse é um daqueles momentos (raros, admito) em que Free! assume seu lado "esporte", e como natação é um esporte legal, eu gosto desses momentos. As conversas relativas ao scouting que temos ao longo desse episódio são casos parecidos, e isso é Free! nos seus melhores momentos. Porque bishounen é bom e tudo mais, mas a animação belíssima nos nados e a originalidade em abordar natação competitiva ainda são algumas das melhores coisas no anime. Prossigamos...


Então os garotos do Iwatobi estão treinando, e eles se mostram particularmente entusiasmados e dedicados nessa tarefa, chegando no limite do horário permitido para ficar na escola. É nesse horário que o diretor e o vice-diretor da escola chegam, e se dirigem especificamente a Haruka. Eles elogiam seu desempenho na competição, e deixam claras as grandes expectativas que têm para ele, ao que Haruka só responde "certo". Além disso, os garotos ficam sabendo que Nitori deverá participar do relay, pra empolgação do soul-bff Nagisa.

Outro assunto que surge é Sousuke - como Gou parece não saber sobre o problema no ombro dele, Makoto e Haruka conversam no caminho para casa sobre isso, com Makoto se questionando se ele pode mesmo nadar... E obviamente com "conversam" eu quero dizer que o Makoto se mostra todo preocupado, e o Haruka não dá a mínima; Inesperadamente, Makoto concorda com Haruka que não é hora para se preocupar com eles, e que eles devem sim se preocupar com seus próprios desempenhos nesse momento.


Depois disso, o anime pula para a competição. Chegando em um hotel belíssimo, muito diferente da tenda do ano passado (lembram? Quando rolou toda a tensão no mar?) os garotos ficam surpresos - e ficamos sabendo que esse investimento todo foi por causa do desempenho deles, botando mais um pouco de pressão por resultados. Coincidentemente, os garotos do Samezuka chegam no mesmo hotel, na mesma hora. Depois da milésima introdução do Momotarou para a Gou, os garotos do Iwatobi SC vão comer fora. Haruka, como sempre, está mais interessado nas sardinhas do que na comida cara que a Amamiya-sensei descolou pra eles. É com esses pequenos detalhes que o grande drama do episódio vai se constituindo...

Para surpresa de todos, surge Seijuro Mikoshiba, juntamente com um homem que faz o scouting, ou recrutamento, das universidades locais. Ao ouvir "Nanase" de Seijuro, o homem prontamente o identifica como o prodígio da natação que está sendo procurado por vários universidades. Ele faz mais um discurso sobre seu talento e as expectativas que todos têm pra Haruka, que rende uma reação preocupada de Makoto, e um pouco mais de raiva da parte do garoto pressionado.

De volta ao hotel, Rin anuncia quem participará no relay pelo Samezuka: Sousuke, Rin, Momotarou e, claro, Nitori. Enquanto isso, Makoto toma banho na sua (e de Haruka~) suíte, e Haruka, que está deitado, sai sem avisar. Descendo pelo elevador, ele encontra Sousuke, e compartilham um longo "momento de silêncio desconsertante". Por conta de um pequeno acidente, no entanto, Sousuke evidencia seu problema do ombro, e aí Haruka se sente livre para perguntar como está seu ombro. Ele conta ainda que encontrou com Kisumi outro dia, o qual lhe contou da cena do hospital, e... Sousuke sai do elevador sem dar uma resposta clara - a única coisa que ele deixa clara sobre esse assunto é que ele não quer que um piu disso chegue aos ouvidos do Rin.

No quarto deles, então, resta Makoto e... Rin, que foi lá procurar pelo Haruka, sem sucesso. Makoto explica que também não sabe onde ele foi, o que frustra Rin, que considera irresponsável da parte do Haruka fazer isso, afinal, a competição do dia seguinte será importante para o futuro deles. Makoto, então, pergunta o que Rin queria, e ele explica que queria saber se Haruka já tinha se decidido sobre onde ele iria estudar e coisa e tal.
No meio dessa conversa, Rin pergunta para Makoto se ele já tinha decidido sobre si próprio - afinal, ele também devia ser recrutado por algumas escolas em algum momento - e antes que ele pudesse dar uma resposta, chegam Rei e Nagisa. Como eles são surpreendidos pela surpresa de Rin, este vai embora, mas não sem antes desafiarem uns aos outros. Amigavelmente, mas ainda assim, ver o Nagisa desafiando seriamente seu amigo-rival é um tanto inesperado - de um jeito bom.

E agora Haruka está correndo na rua. Nessa hora, ele começa a lembrar de todas as frases de expectativa, e temos uma sequência meio surreal, com cada um dos amigos pressionando-o pra nadar de suas próprias maneiras; Uma plateia de bonecos aguarda ansiosamente seu mergulho, e quando ele se dá conta, não há mais ninguém - apenas um "scout" com muita cara de maníaco, ansioso para ver seu desempenho, e ele despenca em cima de uma piscina. Durante a queda, ele... acorda.
Essa sequência é o tipo de coisa psicológica um tanto inesperada pra um anime-de-bishounen-nadando que faz esse treco série estar sempre tão alta no meu conceito. Bem, Haruka acorda. E vê Makoto na cama ao lado, e tudo como deveria estar...

O dia seguinte é o dia da competição. Todos os garotos se mostram empolgados, exceto Haruka, que se mostra... ainda menos empolgado que o normal. Muito abatido, na verdade. Makoto pergunta o que há, e ele diz que não é nada, mas não interage. Pessoas da escola vão vê-los, e ele começa a prestar atenção numa conversa sobre recrutamento... Quando ouve a voz de Makoto, que praticamente o tira do transe em que se encontra, avisando a todos do clube para se prepararem.

Enquanto isso, Momotarou está indo entregar a folha com os nomes que irão participar do relay pelo Samezuka, quando esbarra em seu irmão - o qual pega a folha dele e, basicamente, começa a xeretar os nomes. Ele faz um comentário de como "então essa é a equipe suprema do [Rin] Matsuoka", e aproveita pra explicar pro Momotarou a história do relay do ano anterior. Temos um flashback adorável, narrado por um Momotarou super empolgado e ansioso pra participar do relay com seus amigos. Esse momento é adorável - se não um pouco preocupante, vendo o Sousuke mexendo o ombro desse jeito. No treinamento imediatamente antes da competição, Rin começa a perceber algo errado com o nado do Sousuke, mas ele desconversa e vai pegar algo para beber.

O primeiro nado é o de costas. Makoto chega em 4º, não se classificando portanto. O próximo é o nado freestyle, e vemos Rin e Haruka conversando no caminho para as raias. Rin finalmente tem a opotunidade de perguntar para Haruka se ele já se decidiu pro futuro, e ele diz que não; Rin continua perguntando, mas vendo que Haruka ficou ainda mais quieto que de costume, ele deixa para perguntar depois da corrida, indo à frente.

Como eles ficam em heats (eu confesso que não sei como isso se chama em português?!) diferentes, Rin faz seu nado primeiro. A competição não tem nem graça, porque ele É Foda e chega em primeiro disparado. Assim, ele se classifica para as finais, em meio à empolgação da equipe. Em seguida, Haruka - a outra promessa do freestyle - faz seu nado, mas seus movimentos são estranhos. Ele se abaixa tardiamente; Ainda assim, e com um nado fraco, começa na frente, mas então...

Temos uma outra sequência meio onírica - e maravilhosa, pra variar - de Haruka nadando, com dificuldade, sendo preso por uns tipos de vinhas submersas. A desconstrução da metáfora já memetizada do "não resista a água" veio, afinal, na imagem dele completamente restringido pela água. Quando os pés deles tocam o chão, é difícil até pro espectador acreditar; Só vemos realmente que ele parou de nadar quando aparece seu rosto abaixado, coberto pelo cabelo molhado.

E temos aí o que é, possivelmente, a cena mais estranha de Free! inteiro: Haruka parado na piscina, em pé, em plena competição, frente a espectadores tão surpresos quanto nós. Os garotos do clube do Iwatobi (especialmente Makoto, sem bias aqui!) apenas observam, naturalmente preocupados.

No vestiário, depois da competição, chega um Rin muito irritado, pegando Haruka pelo braço e gritando - porque é isso que Rin faz sempre. "O que raios você fez?" O que Haruka não faz sempre, porém, é revidar: Perguntar "e daí?", "do que me importam os scouts?" ou qualquer coisa do tipo não é algo que ele costuma fazer, como um bom membro da "escola Oreki de protagonistas indiferentes e cansados demais pra agirem" - mas ele faz isso nesse momento. E esclarece que não é por isso que ele nada. Rin, é claro, pergunta pelo que ele nada, e nesse momento os garotos do Iwatobi SC aparecem na porta; E ele responde, sem titubear, que nada por ele mesmo - e por seus amigos.


...Desculpa, não resisti. Enfim, Rin continua gritando, insistindo que ele deveria levar isso mais a sério e pensar no futuro, e Haruka... bem, ele soca o armário de alumínio. Com o estrondo, ele responde que não liga pra nada disso, e que o Rin é quem se importa, e estaria forçando isso sobre ele. Um comentário sobre uma coisa curiosa que eu li esses dias, em uma das traduções do volume 1 de High Speed: No capítulo 2, tem um trecho sobre como uma das coisas que o Haruka mais detesta é se forçar sobre os outros - e é exatamente isso que Rin faz aqui.  De qualquer forma, Rin fica assustado com a cena toda, porque é da agenda-Rin ficar assustado ao perceber as besteiras que ele próprio faz, e ele fica ali com a maior cara de "chateação" enquanto Haruka anda em direção à porta e aos seus colegas de clube, finalmente percebendo que eles estavam ali, e tinham observado tudo. Haruka diz para não se preocuparem, que ele irá nadar no relay com eles, mas um close nos olhos de Makoto mostra a preocupação dele...

Por fim, vemos Sousuke sentado sob o chuveiro, aparentemente sozinho e apertando, em meio a gemidos, o ombro inflamado. E é com essa cena de partir o coração que o episódio termina.
Confesso que, mesmo não sendo nenhuma fã do Sousuke, essa última cena me impactou pra caramba: A cena se passa num local escuro e vazio, e o fato de ele estar com as roupas de natação, sozinho - afinal, não pode contar para e com ninguém - jogado no chão desse lugar, enquanto a água do chuveiro cai sobre o ombro... é uma cena melancólica, no mínimo.

É um pouco irônico, também, acho, como o Rin acaba se passando por vilão nessa história toda - afinal, não fosse o jeito estourado e pouco compreensivo dele, não teríamos tido briga com o Haruka, e talvez o Sousuke tivesse alguém com quem contar nesse momento. Não que ele esteja certo em querer nadar com o ombro dessa forma, mas o próprio fato de o Rin não acreditar no quanto isso importa pra ele, Sousuke, é triste. De qualquer forma, a ironia reside no fato de ele ter sido o vilão da temporada passada justamente por essa razão. O Rin é um personagem pelo qual eu tenho sentimentos mistos, mas não dá pra negar a complexidade dele.
Por outro lado, o Sousuke tem me confundido. Se ele era o vilãozinho no começo da temporada, agora tem se mostrado até doce em alguns momentos, como quando observou Rin nadando em um canto - e sorriu quando ele ganhou a competição. Ele mudou bastante, e eu não sei dizer se isso teve a ver com a doença ou não. Mas fica a pergunta pros comentários!~


Preview do episódio 10:




...E pra quem diz que Free! não tem conteúdo, tá aí um pouquinho do conteúdo. É verdade que esse episódio foi muito mais denso que, sei lá, os últimos seis que tivemos. Mas foi muito bom, e deu aquele hype pros próximos. O próximo, aliás, parece que vai ser enfim focado no Sousuke. É possível que seja um episódio completamente focado no Sousuke, como foi o do Nagisa, mas a essa altura, acho que é mais provável não deixarem o episódio do Haruka e o drama com scouting de lado. Além disso, episódio que vem tem relay. Relay agrega aos episódios de Free!.

Então, com esses novos conflitos que emergiram, muitas águas devem rolar nos próximos episódios!! (hahah ha haa.... Esse episódio me fez mal, né?...) Estou ansiosíssima, confesso. Assim, com esses trocadalhos maravilhosos, me despeço até semana que vem. Ou a outra!  See you next water time, nadadores! ~

Muitos poderiam argumentar que, apesar de tudo, essa foi a melhor parte do episódio, então fica aqui a screenshot.

Nenhum comentário:

Postar um comentário