domingo, 29 de dezembro de 2013

Jogo: I'm Scared of Girls


Oh meu Deus, eu preciso postar sobre esse jogo que é o meu mais novo amorzinho de RPG Maker. E é claro que eu estou falando de I'm Scared of Girls. Com um nome no mínimo pedante, e umas resenhas do tipo "isso é mais assustador que Yume Nikki!", eu estava começando a achar que toda a popularidade nas comunidades de pixel RPGs da vida era injusta e se dava só por ser "mais um joguinho de terror de RPG Maker 2003".

Advinha só - não é. O jogo é completamente apaixonante, e um dos melhores jogos curtos que já joguei, eu acho, apenas pelo fator caracterização e a originalidade. Eu terminei no modo "normal" em umas 2h; Acho que dá pra fazer em menos se você tiver mais sorte do que eu, mas é essa a média. Ou seja, é um jogo bem curto e que todos deveriam estar jogando ♡

A história é sobre uma garota transsexual (MtF) que morre, e vai parar em um lugar no qual descobre que irá precisar sair cortando todos os laços que possui com as suas memórias em vida. Metaforicamente, através de dungeon crawling - você literalmente controla essa garota - esse(a) garoto(a)? Nada é muito claro, - que se chama Lamb,  ao longo de vários mapas, e eventualmente você encontra pedras vermelhas que te levam a pequenas câmaras com fitas vermelhas, as quais você deve cortar com a faca que recebera. Ao cortar a fita, ela mostra uma história, um flashback da sua vida narrado por Lamb, em geral de algum fato traumático e etc; E então você retorna para o ponto inicial da masmorra, fazendo isso até encontrar os cerca de 15 flashbacks.

No final... Eu não vou falar o que acontece, mas garanto que é assustadoramente adorável. ♡ Jogo altamente recomendável porque traps nunca são demais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário